Santa Quitéria recebe visita técnica do Sebrae para apresentação do Programa Jovens Empreendedores; Prefeito Alberto Rocha confirma adesão ao Programa ~ CN1 | O seu Portal de Notícias

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Santa Quitéria recebe visita técnica do Sebrae para apresentação do Programa Jovens Empreendedores; Prefeito Alberto Rocha confirma adesão ao Programa


Quinta-Feira, 14  de setembro de 2017


Fomentar a cultura empreendedora na mentalidade de estudantes é um dos objetivos do Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), conduzido pelo Sebrae e que faz parte do Programa Nacional de Educação Empreendedora – PNEE.

No intuito de disseminar essa ideia, o Sebrae Maranhão, seguindo diretrizes da diretoria estadual, tem percorrido diversos municípios do Maranhão, visitando escolas e secretarias de educação, para apresentar a metodologia e firmar parcerias.

Seguindo esse direcionamento, no final do mês de agosto e início de setembro,  a coordenadora estadual de Educação Empreendedora do Sebrae Maranhão, Raissa Amaral, acompanhada do gerente regional do Sebrae em Chapadinha, David Felipe Amorim Pereira, visitou  o município de Santa Quitéria para apresentarem a metodologia.

Segundo a coordenadora a proposta das visitas é a efetivação de uma parceria com o município para implementação da educação empreendedora dentro das escolas que garante ganhos a curto, médio e longo prazo. “O JEPP é um programa que traz uma metodologia para o Ensino Fundamental de 1º ao 9º ano, onde os alunos desenvolvem um comportamento empreendedor. Com essa ação temos ganhos imediatos para esse aluno que vai se tornar mais comprometido e responsável. Nesse desenvolvimento ganha também a escola, a comunidade e os professores que serão capacitados para serem os multiplicadores desse processo,” explicou Amaral.

Em Santa Quitéria a equipe do Sebrae foi recebida pelo secretário municipal de Administração, Manoel Gonçalves Neto. Segundo o secretário, o prefeito Alberto Rocha, afirmou  que o município irá aderir ao programa ainda este ano, tendo em vista a grande necessidade em avançar na formação de jovens para o desenvolvimento do município. 

Segundo o gerente regional do Sebrae em Chapadinha, David Felipe Amorim Pereira, o programa é um incentivo para um futuro promissor aos jovens. “Trabalhar a educação empreendedora na base da escolarização é tornar possível uma formação profissional e pessoal direcionada e com menores riscos de fracassos,” destacou.

Programa Nacional de Educação Empreendedora – PNEE

No Maranhão, o Sebrae tem seguido a orientação nacional do sistema, que tem como um dos seus pilares de atuação no estado a educação empreendedora. Para tanto, a partir de 2016 a instituição ampliou a execução do PNNE promovendo e disseminando a educação empreendedora do ensino fundamental ao superior, com projetos específicos para cada nível da educação formal.

“A educação empreendedora é uma iniciativa decisiva para criar condições de acesso ao emprego e geração de renda pelo trabalho. O Sebrae já vinha realizando ações pontuais dentro do PNEE, como o Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), com turmas em Bacabal, Timon e Santa Inês. A partir do ano passado ampliamos as nossas ações de educação empreendedora incluindo também escolas do Ensino Médio e isso é um avanço dentro das estratégias da área de educação no Sebrae”, destaca o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins. 


Jovens Empreendedora Primeiros Passos - JEPP
A educação empreendedora proposta pelo Sebrae para o ensino fundamental incentiva os alunos a buscar o autoconhecimento, novas aprendizagens, além do espírito de coletividade. A ideia é a de que a educação deve atuar como transformadora desse sujeito e incentivá-lo à quebra de paradigmas e ao desenvolvimento das habilidades e dos comportamentos empreendedores.

A solução educacional do Sebrae para esta etapa da Educação Básica é o curso Jovens Empreendedores Primeiros Passos – JEPP, destinado a fomentar a educação e a cultura empreendedora. O curso procura apresentar práticas de aprendizagem, considerando a autonomia do aluno para aprender e o desenvolvimento de atributos e atitudes necessários para a gerência da própria vida, nos aspectos pessoal, profissional e social.


Por Lidiane Reinaldo/Unidade de Marketing e Comunicação
Regional do SEBRAE em Chapadinha-MA, Edição Portal CN1


0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes