Um dos ouvintes da rádio BandNews FM acompanhou bem de perto a prisão do ex-ministro Moreira Franco, nesta quinta-feira (21/3). O advogado Renato Ventura estava sentado ao lado do político no voo 066215 da companhia aérea Avianca, que deixou Brasília às 9h55 e pousou no Aeroporto Internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro, às 11h40.

Ventura, que também é procurador da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), soube da prisão do ex-presidente Michel Temer (MDB) ainda dentro do avião, por meio de um grupo de WhatsApp.

O advogado foi comentar o caso com o “senhor ao lado”, quando percebeu que o homem era justamente o ex-ministro Moreira Franco.

Ventura disse ter sido empurrado pelo político no corredor do avião e passou a segui-lo. Já do lado de fora do aeroporto, um veículo da marca Volvo esperava pelo ex-ministro.

O advogado tentou ligar para a Polícia Federal e para a Polícia Militar, pois acreditava que Moreira Franco estava tentando fugir. Sem sucesso nas ligações, ele resolveu retardar a saída do Volvo ao ficar parado na faixa de pedestres.

Poucos minutos depois, uma biltz policial acabou interceptando o automóvel e prendendo o ex-ministro de Minas e Energia. 

Ouça o áudio com o relato de Renato Ventura:

Carlos Estênio Brasilino/Metrópoles

https://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/03/04-51.jpghttps://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/03/04-51-150x150.jpgPortal de Notícias CN1PaísPaísUm dos ouvintes da rádio BandNews FM acompanhou bem de perto a prisão do ex-ministro Moreira Franco, nesta quinta-feira (21/3). O advogado Renato Ventura estava sentado ao lado do político no voo 066215 da companhia aérea Avianca, que deixou Brasília às 9h55 e pousou no Aeroporto Internacional Tom Jobim,...
slp6p5

jku7bl