Por NHK via Agência Brasil

Mapa Divulgação/IBGE

O governo da Bolívia está advertindo a população sobre o surto de febre hemorrágica no país, após a ocorrência de duas mortes em consequência da doença.

A febre hemorrágica é transmitida pelas fezes e urina de ratos que podem portar o vírus que causa a infecção. Também é transmitida entre os seres humanos pelo sangue e outros meios. A taxa de mortalidade em consequência da doença é de cerca de 30%.

Funcionários do Ministério da Saúde da Bolívia disseram que um agricultor infectado morreu em abril em uma cidade localizada a cerca de 160 quilômetros ao norte da capital La Paz. Uma médica que o tratou também morreu em junho.

Os funcionários disseram ainda que mais dois médicos que tiveram contato com a médica também contraíram a doença e estão inconscientes.

Um grande número de ratos foi encontrado em áreas em volta da fazenda da primeira vítima. Ao mesmo tempo, membros de sua família apresentaram sintomas da doença.

https://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/07/20.pnghttps://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/07/20-150x150.pngPortal de Notícias CN1InternacionalInternacionaisPor NHK via Agência Brasil O governo da Bolívia está advertindo a população sobre o surto de febre hemorrágica no país, após a ocorrência de duas mortes em consequência da doença. A febre hemorrágica é transmitida pelas fezes e urina de ratos que podem portar o vírus que causa a infecção....
slp6p5

jku7bl