A vítima Kelrry Daiane Mouzinho e as irmãs suspeitas, identificadas apenas como Tainara e Tainá

Se apresentaram em companhia do advogado na tarde desta quarta-feira (10), na Delegacia Regional de Rosário, as duas irmãs suspeitas do assassinato de uma jovem identificada como Kelrry Daiane Ferreira Mouzinho, 25 anos.

Após serem ouvidas, de acordo com o comandante do Policiamento do Interior (CPI), coronel Zózimo Paulino, as duas mulheres foram liberadas. A jovem foi morta a facadas no fim da manhã desta terça-feira (9) na cidade de Matinha, a 220 quilômetros da capital maranhense. Leia Mais.

As duas irmãs – identificadas apenas como Tainara e Tainá – são apontadas como autoras do assassinato, que pode ter sido motivado por uma discussão ocorrida nos últimos dias entre elas. O crime aconteceu no bairro Novo, no centro de Matinha.

A vítima foi atacada na frente da própria casa. Ela chegou a ser encaminhada até o hospital de Matinha, onde acabou morrendo. Seguem incursões das polícias Civil e Militar para tentar localizar as suspeitas.

Fonte: portal MA10

https://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/04/14-17.jpghttps://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/04/14-17-150x150.jpgPortal de Notícias CN1PolíciaPolíciaSe apresentaram em companhia do advogado na tarde desta quarta-feira (10), na Delegacia Regional de Rosário, as duas irmãs suspeitas do assassinato de uma jovem identificada como Kelrry Daiane Ferreira Mouzinho, 25 anos. Após serem ouvidas, de acordo com o comandante do Policiamento do Interior (CPI), coronel Zózimo Paulino, as...
slp6p5

jku7bl