Valdivan Ferreira de Assunção foi preso por suspeita de fazer a própria filha se prostituir para ele sustentar o vício em crack. — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil prendeu na cidade de Rosário, a 30 km de São Luís, Valdivan Ferreira de Assunção por ser suspeito de obrigar a própria filha, de 14 anos, a se prostituir para sustentar a própria dependência química. Ele nega o crime.

Vandivan foi preso na manhã desta terça-feira (12) em cumprimento de um mandado de prisão preventiva. Ele estava em um povoado da cidade e teria oferecido grande resistência à prisão.

Segundo a polícia, às vezes por apenas R$ 10, Valdivan obrigava a filha a fazer programa em um povoado de Rosário para que ele pudesse sustentar o vício em crack. Ele foi autuado por crimes de favorecimento da prostituição ou de outra forma de exploração sexual de vulnerável e depois encaminhado à Unidade Prisional de Ressocialização de Rosário.

Do G1 MA

https://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/03/22-877x1024.jpeghttps://www.portalcn1.com.br/wp-content/uploads/2019/03/22-150x150.jpegPortal de Notícias CN1PolíciaPolíciaA Polícia Civil prendeu na cidade de Rosário, a 30 km de São Luís, Valdivan Ferreira de Assunção por ser suspeito de obrigar a própria filha, de 14 anos, a se prostituir para sustentar a própria dependência química. Ele nega o crime. Vandivan foi preso na manhã desta terça-feira (12)...
slp6p5

jku7bl